Aumenta o número de pessoas que trabalham na própria residência

Segundo Sebrae, dos 3,5 milhões de microempreendedores individuais, 48,6% trabalham em casa

Aumenta o número de pessoas que trabalham na própria residência



Atualmente, o mercado de trabalho está saturado, o que faz com que muitos pensem em montar o próprio negócio. Segundo pesquisas recentes do Sebrae, dos 3,5 milhões de microempreendedores individuais, 48,6% trabalham na própria residência.

Entretanto, além dos cursos de capacitação, o empreendedor individual deve possuir características como disciplina e organização. Além disso, para dar mais segurança ao microempresário e ampliar os seus negócios, é bom que ele formalize suas atividades como microempreendedor individual.

Abaixo, elencamos algumas dicas para quem possui um empreendimento com essas características:

1. É primordial separar o ambiente profissional do ambiente familiar. Sendo assim, receba seus clientes e fornecedores em uma entrada alternativa, independente e bem organizada.

2. Jamais agregue o caixa do empreendimento ao caixa da família. Caso o faça, será muito difícil prever os lucros e as despesas geradas em seu negócio.

3. Sistematize uma rotina de trabalho, especificando o horário inicial e final para as suas atividades. Certamente, essa atitude fará com que o seu trabalho se torne mais eficiente.

4. Cumpra os prazos, prime pela qualidade do produto e garanta a competitividade do preço. Isso demonstra compromisso e fideliza os clientes.

5. Aja com formalidade e mantenha uma aparência adequada ao trabalho. Tal postura passa segurança e credibilidade a seus clientes.

6. Para atender os clientes e os fornecedores, possua um número de celular diferente do seu número particular. Evite que seus familiares os atendam. Mostre o seu profissionalismo!

Por Andréa Oliveira.

Fonte: www.revistapegn.globo.com

Ligamos para Você